quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Confissão Delicada



Pessoal, hoje vou confessar aqui algo muito delicado. Diria que pra muita gente é ainda um tabu, uma barreira instransponível e motivo grande preconceito. Eu mesma, passei muito tempo na minha vida torcendo meu nariz pra quem gosta.
Não é nada do que está pensando. O assunto aqui é o funk. Não vou dizer que sou funkeira de carteirinha e nem que frequento os bailes dessa vida. Mas, de uns tempos pra cá, por influência do meu marido que é um “canalha safado” posso dizer que fui me acostumando e mais recentemente me vi adorando o batidão.
Antigamente, pra agradar meu marido eu fazia strip tease. Hoje em dia, aprendi uns passinhos e quando quero agradar, em vez do antigo strip eu danço um funkzinho básico só pra levar ele ao delírio. Nada demais. Não faço quadradinho não. Só o básico. Mas o efeito nos homens é devastador.
Aqui vai o TOP 20 funks que mais gostamos (Muitos bem antigos):

1 – Koringa – Noite do Prazer
2 – Leozinho – Ela só pensa em beijar
3 – David Bolado – Ela não para de dançar
4 – Henrico – Deixa eu te provar
5 – Koringa – Ela tem o Dom
6 – Marcinho – Pernão Sarado (Bota o tambor pra tocar)
7 – Leozinho – Só Zueira
8 – Robinho da Prata – Copo de vinho
9 – Ludmilla – Te ensinei Certin
10 – Pikeno & Menor – Toda Toda
11 – Ombrinho – Zero de Gordura
12 – Bola & Mr.Catra – Soltinha
13 – Koringa – Kika no calcanhar
14 – Marcinho – Não para não
15 – Ludmilla – Sem Querer
16 – Dennis DJ & Buchecha - Santinha
17 – Koringa – Pra me provocar
18 – Leozinho – Delírio tropical
19 – Koringa – Mais
20 – Duduzinho - Paradinha



8 comentários:

  1. Olá, Ao casal (Já acompanho o blog há muito tempo.Eu sou mais ativo no canal do youtube).O fundo é um gênero musical que sofre muito preconceito.Eu sou Roqueiro.Porém, Devo confessar que amo ver as mulheres dançando.Fico excitado, Inclusive.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim William. Obrigada por nos acompanhar. Realmente ainda existe muito preconceito. Uma pena, porque é o ritmo que mais tem haver com a sensualidade das meninas. Eu adoro. Meu marido também. E ser roqueiro é ótimo também. Meu marido adora rock e tb adora funk.

      Excluir
  2. Ao invés de escrever funk,Escrevi fundo,kkkkk.perdoe-me,Digitei muito rápido.

    ResponderExcluir
  3. Ao invés de escrever funk,Escrevi fundo,kkkkk.perdoe-me,Digitei muito rápido.

    ResponderExcluir
  4. Olá, Ao casal (Já acompanho o blog há muito tempo.Eu sou mais ativo no canal do youtube).O fundo é um gênero musical que sofre muito preconceito.Eu sou Roqueiro.Porém, Devo confessar que amo ver as mulheres dançando.Fico excitado, Inclusive.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom, Will. Menos preconceito e mais sensualidade. Isso aí.

      Excluir
  5. Que delícia! Imaginei a cena. Mas fico pensando como seria você em uma boate normal, dançando comigo (forró ou sertanejo). Sarrando e beijando de leve com o seu marido vendo ou até algumas pessoas percebendo. Não seria gostoso? Parabéns pelo Blog!! Beijos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hermes...
      pela gente já teria rolado varias vezes.
      Acredito até que por você também.
      Mas, existe uma lagoa entre a gente:
      A baía de Guanabara.

      Excluir